Caminhadas na natureza impulsionam a criatividade

Flow: o bem-estar que vem da natureza

Talvez você nunca tenha ouvido falar do estado de flow (fluxo), mas certamente você já viveu esta experiência. Sabe quando estamos tão concentrados em uma tarefa que não vemos o tempo passar, não sentimos fome e nem nos incomodamos com o entorno? Este é o estado de flow.

Com a disseminação deste conceito, ele vem sendo cada vez mais estimulado no mundo corporativo. O ganho de produtividade parece evidente, não é mesmo? Porém, ele não serve apenas para nos fazer trabalhar mais sem perceber. De acordo com estudo realizado pelas universidades de Pádua, na Itália, e Liubliana, na Eslovênia, a experiência do fluxo influencia a satisfação com a vida.

Experimentar o flow traz uma sensação de realização e sucesso interno. Ao se viver esta experiência com frequência, é percebido um sentimento geral de satisfação com a vida. Isso se deve ao equilíbrio entre o desafio que a situação apresenta e a identificação do conjunto de habilidades necessárias para enfrentar essa situação específica.

Flow and Satisfaction With Life in Elite Musicians and Top Athletes.

Ao ler sobre isso, me lembrei de algo que já ouvi de muitos cicloturistas: pedalar por longas distâncias é algo que se aproxima muito de uma meditação, pelos movimentos repetitivos e pela atenção dedicada.

Às vezes, a rotina é pedalar e pedalar e nada mais. Nesses casos, os dias se resumem a pontos de partida e a pontos de chegada, separados apenas por muito esforço. (…) A cada chegada não sobra tempo para comemorações, a prioridade é descansar. Tudo que a mente quer é silêncio e poder saborear a paz do corpo esgotado. Não sobra energia para ansiedade ou frustrações e o sorriso quase imperceptível, que aparece involuntário no rosto, é de pura satisfação pelo dia bem trabalhado. Dá até para confundir com a sensação de felicidade.

Guilherme Cavallari, em Transpatagônia, Pumas Não Comem Ciclistas.

E, muito importante: a repetição dos momentos de flow é capaz de nos levar ao bem-estar. Isso se dá de duas formas:

  • Eudemônico, que compreende a auto-aceitação, crescimento pessoal, propósito na vida, domínio ambiental, autonomia e relações positivas com os outros.
  • Hedônico, que é a capacidade de regressar rapidamente a um nível relativamente estável de felicidade após a ocorrência de importantes acontecimentos ou de mudanças de vida.

E o melhor de tudo isso é que não precisamos, obrigatoriamente, realizar uma caminhada de 4.300 quilômetros para obtermos os benefícios do estado de flow em contato com a natureza. Segundo pesquisa da universidade de Chiba, no Japão, pessoas que fazem caminhadas na floresta têm uma redução nos níveis do hormônio do stress (cortisol) 12% maior que as que caminham na cidade. Foram notadas também reduções acentuadas nos batimentos cardíacos e na pressão sanguínea.

Em outro estudo, pesquisadores da Universidade de Utah, nos Estados Unidos, descobriram que quatro dias fazendo trilhas (e se desconectando dos dispositivos) já aumentam a capacidade cognitiva significativamente. Em um teste de associações criativas, as pessoas que fizeram o teste após o contato com o deserto de Utah tiveram notas 50% maiores do que aqueles que fizeram o mesmo teste, só que antes de iniciar o passeio.

Criatividade, redução do stress, sensação de bem-estar com a vida. Não sou formado em nenhuma ciência da área da saúde, mas acredito que isso mostre que, por mais modernos e tecnológicos que nos tornemos, há uma dimensão natural, orgânica, importante para nossa saúde mental. Porém, como disse no texto de fundação aqui deste Chamado da Montanha, “sabemos que não podemos voltar ao tempo dos nossos avós. Há uma vida a se construir neste cenário que está posto. Temos projetos e sonhos a realizar. É preciso conciliar as forças.”

E você, qual é a sua experiência na relação entre atividades ao ar livre e saúde mental? Compartilhe comigo nos comentários!

Post criado 6

2 comentários em “Flow: o bem-estar que vem da natureza

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo